Apresentação

IV Jornadas de Intervenção Psicossocial na Comunidade:
Cuidar de quem cuida: Cuidador informal

A família costuma ser a principal origem do cuidador informal. Cuidar de um paciente com dependência ou com doença avançada no domicílio, causa enorme desgaste e uma sobrecarga ao cuidador informal, que geralmente cuida de uma forma continua sem descansos periódicos ou outros apoios. Os custos que advém da prestação de cuidados têm várias repercussões na vida de quem cuida, tanto no aspeto físico, psicológico e social.

Com estas Jornadas pretende-se refletir e discutir sobre as necessidades/ sobrecarga dos cuidadores informais, sobre o stresse que o cuidar de alguém que depende de si, acarretam na vida do cuidador, mas também no suporte e apoios que os cuidadores informais podem obter dos vários profissionais da comunidade.